Este bimestre estamos estudando em Língua Inglesa os nomes de alguns alimentos. Na primeira aula do assunto, apresentei o tema, perguntei sobre a comida preferida de cada um, o que era saudável e o que não era. Depois, fomos para o livro, onde havia um diálogo com a família indo ao supermercado.

A aula seguinte foi diferente. Achei que, ao trabalhar de modo mais “concreto”, talvez o conteúdo fosse melhor compreendido. A ideia inicial era que os alunos preparassem uma receita e, em seguida, fizéssemos um piquenique. Pedi para que cada um trouxesse um alimento para a aula seguinte, de pereferência, alimentos saudáveis.

Ontem foi o grande dia. Levei várias frutas para uma salada de frutas; qiejo, cenoura e alface para um sanduiche; bolo; biscoitos e suco. Os aluno trouxeram frutas, pipoca, vitamina (feita por eles mesmos), bolachas.

A ideia da receita foi por água abaixo quando me dei conta de que eles não podem manusear facas. Ainda assim, eles foram extremamente cooperativos, ajudando em tudo o que era possível.

As garotas que trouxeram a vitamina não só a prepararam como também foram procurar os nomes dos ingredientes em inglês! Isso não é lindo? O momento do intervalo, geralmente inegociável, foi adiado para depois do piquenique.

Estendemos duas enormes toalhas na grama, colocamos todas as comidas. Não só os alunos sentaram-se e entraram na brincadeira, mas também a diretora, o coordenador, a professora de História e a secretária. Todo mundo integrado e feliz.

Mostrei a eles como se dizia o nome de cada alimento e estabelecemos a brincadeira de que só de comeria aquilo que falássemos em inglês. Todos, inclusive os adlutos, fizeram seus “pedidos” em Inglês! Isto não é gratificante?

Ao voltarmos para a sala, ainda faltavam vinte minutos para a saída. Como é uma turma muito agitada, imaginei que seria difícil contê-los. Eles me supreenderam: acalmaram-se e, ainda, queriam começar ali mesmo a lição pedida para casa – elaborar um cardápio todo em inglês. Ao invés de distraídos e desmotivados, estavam envolvidos e discutiam entre si como o fariam, procurando palavras e modos de fazer um trabalho bonito.

As fotos serão postadas posteriormente porque estão na escola, mas, ainda assim, não é um momento muito legal?

Anúncios